De olho na 7° luta valendo o título no UFC, Frankie Edgar encara Cub Swanson

 Frankie Edgar fez história entre os pesos-leves do UFC. Mas após perder seu cinturão para Ben Henderson, e não conseguir recuperá-lo na revanche, “The Answer” lançou-se a um novo desafio e desceu à concorrida divisão dos penas, há muito dominada por José Aldo. Após perder para o brasileiro, na sua estreia na categoria, Frankie Edgar conseguiu voltar à sua grande forma, e tenta no evento de hoje, uma nova oportunidade de tirar o cinturão do atleta da Nova União.

Edgar nocauteia Maynard, no UFC 136

Edgar nocauteia Maynard, no UFC 136

Conhecido por seu gás, e por seu queixo duríssimo, Frankie Edgar é atleta de longa data do UFC. Lutando pela organização, Frankie já fez 16 lutas (11 vitórias, 4 derrotas e 1 empate). Fez grandes rivalidades, como contra Gray Maynard e BJ Penn, contra os quais lutou 3 vezes, e contra Ben Henderson, contra quem fez 2 lutas muito parelhas. Na divisão dos penas, após perder para José Aldo, Edgar venceu em sequência o também brasileiro Charlie do Bronx e o veterano BJ Penn. Uma vitória diante do nocauteador nato Cub Swanson, no evento principal da noite de hoje, no UFC Fight Night 57, em Austin, Texas, pode de vez consolidar o nome de “The Answer” entre os top contender do peso-pena.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Gabriel M. Neves

Edson Barboza tenta alçar voos maiores no UFC, em Austin

 Ele é conhecido pelo seu muay-thai apurado, e sobretudo por seus chutes, de modo que muitos o tem como o melhor no fundamento no UFC. Edson Barboza pode encontrar na noite de hoje, além de uma boa vitória, um passaporte para o top 10 da categoria.

Edson Barboza nocauteia Terry Etim, no UFC 142 (Foto: UFC via Getty Images)

Edson Barboza nocauteia Terry Etim, no UFC 142 (Foto: UFC via Getty Images)

Atualmente o 11° colocado na divisão dos leves, Edson Barboza teve no ano de 2013 uma grande sequência. Emplacou 3 vitórias seguidas, sendo duas por nocaute técnico, e teve um combate casado para abril deste ano contra o duro Donald Cerrone. Cercado de grande expectativa, o combate acabou de forma rápida. Barboza começou muito bem, golpeando de forma consistente o “Cowboy”, mas num vacilo recebeu um jab que o levou a knockdown, sendo finalizado por um justo mata-leão. Edson não recebeu bem a derrota, e já em julho estava novamente ao octógono para enfrentar Evan Dunham, que não foi perdoado. Barboza o nocauteou em apenas 3 minutos de primeiro round. Agora, no UFC Fight Night 57. em Austin, Texas, ele encarará o duro, e invicto no Ultimate, Bobby Green, de olho em uma posição entre os 10 melhores lutadores até 155 lbs.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Gabriel M. Neves

Cub Swanson e Frankie Edgar lutam hoje por uma chance pelo título do UFC

Buscando a chance de disputar o cinturão dos penas contra José Aldo, Cub Swanson (21-5) busca 7°vitória seguida no UFC contra Frankie Edgar (17-4-1) neste sábado 22/11. Essa será a segunda edição do UFC  na cidade de Austin, Texas, a primeira edição foi realizada em 2010 no UFC Fight Night 22, na luta principal Nate Marquardt venceu Rousimar Palhares por nocaute técnico.

Após a derrota na estreia pelo UFC para Ricardo lamas no UFC on Fox 1 em 2011, Cub Swanson vem de uma ascensão meteórica no UFC. São 3 vitórias por nocaute técnico, 1 por nocaute e 2 por decisão, venceu Ross Pearson, Dennis Siver, Dustin Poirier, Jeremy Stephens, Charles “Bronx” Oliveira e George Roop. Aos 31 anos Swanson mostrou uma grande evolução na parte em pé, faturou 2 bônus de nocaute da noite e 2 lutas da noite, a vitória sobre Stephens por decisão foi no UFC Fight Night 44 em junho.

Frankie Edgar também em uma boa fase no UFC, venceu Charles “Bronx” Oliveira e BJ Penn nas suas 2 últimas lutas. Aos 33 anos o ex-campeão dos leves do UFC busca uma nova oportunidade do Title Shot e a revanche contra o campeão do povo José Aldo. Caminhando para a 17° luta no UFC, Edgar e seu ótimo wrestling serão peças chave para vencer Swanson neste sábado no UFN 57.

Outro duelo que promete esquentar o card é entre Edson Barboza (14-2) e Bobby Green (23-5) pela categoria dos leves, aos 28 anos Green vem de 8 vitórias seguidas no UFC/Strikeforce e não perde desde 2011, foram 3 vitórias por finalização, 1 por nocaute técnico e 4 por decisão. Em sua última luta Green venceu Josh Thomson por decisão dividida no UFC on Fox 12 em julho.

Já a fera do Muay Thai, Edson Barboza aposta nos perigosos chutes para vencer Green e voltar ao top 10. Aos 28 anos o carioca de Nova Friburgo, vem de vitória sobre Evan Dunham por nocaute técnico no UFC Fight Night 45 em julho. Barboza disputou 1o lutas no UFC, foram 8 vitórias, 5 por nocaute ou nocaute técnico, 3 decisões, 3 prêmios de luta da noite e 1 nocaute da noite ( Também eleito o nocaute do ano).

O UFC Fight Night 57 será realizado no Frank Erwin Center em Austin, Texas neste sábado com transmissão ao vivo do Canal Combate com início as 22:00, confira o card:

UFC FIGHT NIGHT: SWANSON VS EDGAR

22 de novembro / Austin, Texas

Card Principal
Cub Swanson vs Frankie Edgar
Bobby Green vs Edson Barboza
Brad Pickett vs Chico Camus
Jared Rosholt vs Oleksiy Oliynyk
Joseph Benavidez vs Dustin Ortiz
Matt Wiman vs Isaac Vallie-Flagg

Card Preliminar
Ruslan Magomedov vs Josh Copeland
Luke Barnatt vs Roger Narvaez
James Vick vs Nick Hein
Yves Edwards vs Akbarh Arreola
Kailin Curran vs Paige VanZant
Dooho Choi vs Juan Puig

Fotos: UFC / ZUffa LLC / Via Getty Images

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Bruno Fioravanti

Cub Swanson e a missão de apagar a humilhante derrota para José Aldo

O americano Cub Swanson enfrenta o seu compatriota Frankie Edgar no evento principal do UFC Fight Night de amanhã e uma vitória pode deixá-lo muito próximo da disputa pelo cinturão dos pesos penas do UFC. O lutador tem um cartel de 21-5 e vem de seis vitórias consecutivas na organização (quatro por nocaute e duas por decisão unânime).

(Frankie Edgar vs Cub Swanson vão se enfrentar pelo UFN 57)

(Frankie Edgar vs Cub Swanson vão se enfrentar pelo UFN 57)

Swanson é especialista em Wrestling e Muay Thai. Faz a preparação para suas lutas com Greg Jackson um dos melhores técnicos de MMA na atualidade e conta com parceiros de treinos como: Jon Jones (atual campeão dos meio pesados e número um no ranking peso por peso do UFC), Carlos Condit (ex-campeão interino dos meio-médios) e Diego Sanchez (vencedor do primeiro TUF nos Estados Unidos).

Caso vença o duelo contra Edgar, Cub Swanson já deixou claro que se considera o desafiante número um da categoria e que desafiará José Aldo em pleno octógono.

Os dois já lutaram antes pelo extinto WEC quando almejavam uma disputa de cinturão do evento. Na ocasião, Aldo liquidou a fatura com apenas oito segundos de luta após aplicar uma joelhada voadora dupla seguida de socos. Essa possível revanche é um sonho de consumo para o americano, mas se quiser ter essa oportunidade terá que passar por Frankie Edgar em uma luta que promete ser muito disputada e sem favoritos.

UFC FIGHT NIGHT: SWANSON VS EDGAR

22 de novembro / Austin, Texas

Card Principal
Cub Swanson vs Frankie Edgar
Bobby Green vs Edson Barboza
Brad Pickett vs Chico Camus
Jared Rosholt vs Oleksiy Oliynyk
Joseph Benavidez vs Dustin Ortiz
Matt Wiman vs Isaac Vallie-Flagg

Card Preliminar
Ruslan Magomedov vs Josh Copeland
Luke Barnatt vs Roger Narvaez
James Vick vs Nick Hein
Yves Edwards vs Akbarh Arreola
Kailin Curran vs Paige VanZant
Dooho Choi vs Juan Puig

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Momento psicológico será o maior desafio de Bobby Green no sábado?

Com uma incrível sequência de vitórias, o americano Bobby Green já sonha alto dentro da categoria peso leve. Vindo de 8 vitórias consecutivas, sendo 4 delas pelo UFC, o ex campeão do peso leve do KOTC, terá um grande desafio pela frente, o brasileiro Edson Barboza, que também vem de vitória. Porém o maior problema para Green não será Edson, e sim sua vida pessoal, que não anda muito boa.

B2w9Ca9IEAEiGZw

Bobby Green (Foto: UFC / ZUFFA LLC / Via Getty Images)

Green acabou de ter um irmão assassinado, e pouco antes, o outro baleado nos EUA, a cabeça do lutador parece não estar muito focada pra essa luta de sábado. A maior prova disso, foi que em um entrevista, Green afirmou que o título do UFC não é seu objetivo, apesar de ser o atual 7º do ranking. Conhecido pelo seu estilo irreverente de lutar, desestabilizando seu adversário, Green enfrentará um dos melhores strikers da divisão, e que uma vitória o colocaria a caminho do title shot, mesmo o próprio falando que não é seu objetivo, outra notícia que saiu, é que Green pode estar se aposentando após sua luta com Edson Barboza, segundo o próprio lutador em sua conta do Facebook, afirmou essa vontade, mesmo com apenas 28 anos de idade, os problemas pessoais podem ter afetado o americano. Os 2 se enfrentam nesse sábado dia 22 de novembro, pelo Co main-event.

UFC FIGHT NIGHT: SWANSON VS EDGAR

22 de novembro / Austin, Texas

Card Principal
Cub Swanson vs Frankie Edgar
Bobby Green vs Edson Barboza
Brad Pickett vs Chico Camus
Jared Rosholt vs Oleksiy Oliynyk

Joseph Benavidez vs Dustin Ortiz
Matt Wiman vs Isaac Vallie-Flagg

Card Preliminar
Ruslan Magomedov vs Josh Copeland
Luke Barnatt vs Roger Narvaez

James Vick vs Nick Hein
Yves Edwards vs Akbarh Arreola
Kailin Curran vs Paige VanZant
Dooho Choi vs Juan Puig

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

                                                                                        Escrito por Douglas Barcellos

Fight Gym Combat 3 chega a São José do Rio Pardo em dezembro

Dia 20/12/2014 às 19hrs será realizado o Fight Gym Combat 3 na academia SURIAN FIGHT GYM em São José do Rio Pardo, São Paulo . No total serão 9 lutas, 4 amadoras, 4 profissionais sendo 1 pelo cinturão e uma luta de Submission, não fique de fora, vai ser um grande show do inicio ao fim, muita porrada.

loloko

(Foto: Divulgação)

O evento será realizado no bairro Vila Brasil, Rua Gabriel de Andrade Junqueira, nº431, ingressos no valor de R$ 20 reais.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Renan Assunção

UFC anuncia calendário de 2015 com 7 eventos no Brasil

O UFC anunciou em grande evento nesta semana, o calendário para 2015. O Brasil receberá 7 eventos, mas ainda não se sabe quais serão as cidades-sede.

Calendário do UFC para 2015

Calendário do UFC para 2015

O que já se sabe, é que um dos eventos será no tradicional formato “PPV”, ao que tudo indica a ser realizado no Rio de Janeiro, como ocorreu desde 2011 (UFC’s 134; 142; 153; 164 e 179). Os outros 6 eventos podem ser anunciados em breve. A expectativa é que o UFC Fight Night do dia 22 de fevereiro, já seja o primeiro em terras tupiniquins em 2015. Mais informações, fiquem ligados no Nocaute na Rede.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Gabriel M. Neves

Assista a pesagem do UFC Fight Night: Edgar vs Swanson

Na categoria dos penas, Conor McGregor vem chamando a atenção, mas quem está melhor rankiado que o irlandês é Cub Swanson e Frankie Edgar que amanha fazem a luta principal do UFC na cidade de Austin, no Texas. Ambos os lutadores já foram derrotados pelo brasileiro José Aldo, mas vem mostrando em suas últimas apresentação que merecem sim uma chance pelo título. A luta promete ser uma das melhores do ano, e que dará ao vencedor a chance de brigar, ao menos com palavras com McGregor para ver quem vai disputar o título contra José Aldo. No co-evento principal da noite ainda teremos o brasileiro Edson Barboza, dono de um dos nocautes mais bonitos da história, encara o o norte-americano Bobby Green. Confira a pesagem do evento hoje a partir das 20 horas:

UFC FIGHT NIGHT: EDGAR VS SWANSON

Data: 22/11/2014 (Sábado)
Cidade: Austin, Texas / Brasil
Local: Frank Erwin Center
Transmissão: Canal Combate

Card principal
Frankie Edgar vs Cub Swanson
Bobby Green vs Edson Barboza
Brad Pickett vs Chico Camus
Jared Rosholt vs Oleksiy Olyinyk 
Joseph Benavidez vs Dustin Ortiz
Matt Wiman vs Isaac Vallie-Flagg 

Card preliminar
Ruslan Magomedov vs Josh Copeland

Luke Barnatt vs Roger Narvaez 

James Vick vs Nick Hein
Yves Edwards vs Akbarh Arreola
Page VanZant vs Kailin Curran
Juan Manuel Puig vs Doo Ho Choi

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Focada em buscar cinturão do XFC, Julie Werner fala sobre os planos para o futuro

Uma das melhores lutadores do mundo de sua categoria, Juliana Werner, mais conhecida como Julie Werner é uma experiente lutadora de MMA, e que vive a melhor fase da carreira. Na categoria peso mosca, Julie é facilmente apontada como a melhor brasileira atualmente, e lutando pelo XFC mostrou toda a sua capacidade finalizando Iryna Shaparenko na última edição do XFC no Brasil. Em entrevista exclusiva, a lutadora que nasceu em Santa Catarina nos falou sobre a sua última vitória sobre Iryna que possuí 6 vitórias no cartel:

“Sim, Iryna vinha de 5 vitorias por finalização e uma por pontos. Meus treinadores focaram muito nos treinos de chão e em manter a luta em pé. Ela travou a luta, fazendo um anti jogo, querendo ir para o  chão, mas o foco era ficar em pé, sendo que quando tive a oportunidade de ir para o chão ou quedar, não foi feito, por fugir a estratégia traçada. No fim, ao irmos para o chão, consegui aos poucos ir para as costas e finalizar.”

(Foto: XFC / Divulgação)

Julie concedendo entrevista para Fernando Navarro no XFC (Foto: XFC / Divulgação)

Julie Werner fez sua estréia no XFC contra Iryna e já mostrou do que é capaz. Antes a lutadora vinha de 5 vitórias na últimas 6 lutas, sendo que sua derrota foi para Holyl Holm, atualmente no UFC, e em uma verdadeira guerra no Legacy 30. Em 12 lutas profissionais, Julie conseguiu nocautear 4 adversárias, e ainda hoje luta em competições de kickboxing e muay thai. A lutadora nos falou sobre a expectativa de lutar pelo cinturão do XFC em breve:

“Meu objetivo, com certeza, é o cinturão, mas ainda não há nada dito. Mas estou ansiosa para lutar novamente e logo surgir esta oportunidade.”

O Ultimate ainda não abriu a categoria feminina dos moscas, onde Julie atua, mas possuí em seu plantel lutadoras da categoria peso palha e peso galo. Julie já lutou na categoria dos galos, mas ressalva, que foco é permanecer no XFC, e que não pretende ir para o UFC para lutar em outra categoria:

“Atualmente não há minha categoria (56,7kg) no UFC. E estou muito feliz em lutar o XFC, o tratamento deles para com os atletas é excelente. Meu foco é conquistar o cinturão e ser uma das melhores da minha categoria.”

Com já foi dito, a lutadora de 33 anos, e ainda muito gás, não quer saber de descansar, e ainda se dedica a outras modalidades. Encerrando a entrevista, Julie nos fala sobre seus planos para o próximo ano em sua carreira:

Meu foco principal está nas lutas de MMA, mas como treino varias modalidades, se surgir a possibilidade e não coincidir com o MMA, quero lutar jiu-jitsu, wrestling e muay thai / kickboxing. Ajudando a aprimorar meu jogo e ficar mais confiante para as lutas de MMA, onde meu foco se voltou totalmente desde final de 2013.”

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqk

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Victor Nunes

Gilbert Durinho e Leandro Lo prometem show na Copa Pódio

Os fãs de jiu-jitsu têm compromisso imperdível para a noite deste sábado, dia 22 de novembro. No tatame da Copa Pódio, Gilbert Durinho e Leandro Lo vão protagonizar a Luta Especial da próxima edição do evento, que acontece no Ginásio do Botafogo, Zona Sul do Rio de Janeiro. O duelo não terá limite de tempo, nem contagem de pontos, e só pode ser declarado encerrado em caso de finalização. Os ingressos e os pacotes de transmissão pay-per-view para o evento estão à venda através do site copapodio.com.

240141_457093_durinho_02

(Foto: Deive Coutinho)

Esta será a quarta vez que os atletas, dois dos mais vitoriosos do jiu-jitsu mundial, ficarão frente a frente em competição. Nas outras três oportunidades, Durinho levou a melhor. Para manter-se invicto frente ao oponente e pela necessidade da finalização para triunfar, o niteroiense garante que será intenso no combate.

“Estou muito ansioso para o desafio, com muita vontade de pisar no tatame e apresentar um grande espetáculo para os fãs. Sou espectador de jiu-jitsu, pago ingressos, pago pay-per-view, então sei o que o público sente quando assiste uma luta chata. Não vou dar isso para eles no sábado. Vou para cima, dar pressão o tempo inteiro até finalizar”, avisa Durinho.

Do outro lado, a motivação parte dos resultados negativos. Sem nunca ter levado a melhor sobre Gilbert Durinho, Lo evoluiu desde as duas primeiras batalhas, ambas realizadas em 2011. Em 2013, novo encontro, mas desta vez sem quimono, e o triunfo ainda não veio. Desde então, a vontade de reencontrar seu algoz de outrora só aumentou.

“Queria muito enfrentá-lo novamente, comemorei quando chegou o convite. Será a primeira vez que luto sem limite de tempo, sem valer pontos, e só aceitei por ser contra o Durinho. Lutar contra ele me dá mais vontade de vencer”, revela o paulista de 25 anos, completando com um paralelo entre o Lo de anos atrás e o que vai pisar no tatame sábado. “Hoje, sou outro lutador. Cresci, amadureci e agora carrego o rótulo de tricampeão dos leves da Copa Pódio. Estou mais experiente como faixa-preta, e isso vai me ajudar muito na luta contra o Durinho”.

Em maio deste ano, na última edição da Copa Pódio, os dois poderiam ter se encontrado na final do GP dos leves, mas Gregor Gracie superou Durinho nas semifinais do torneio. Lo, na ocasião, se sagrou tricampeão. Agora, sem chances do fato se repetir, o embate enche de ansiedade até mesmo quem está acostumado a escalar em desafios os principais nomes da arte suave mundial.

“Sinceramente, estou morrendo de vontade de assistir Durinho x Lo. Como promotor estou satisfeito demais com a luta, e, como espectador, estou mais ainda. Vai ser incrível”, confia Jeferson Maycá, organizador da Copa Pódio.

GP e desafios Brasil x Estados Unidos no card

Além do aguardado duelo entre Gilbert Durinho e Leandro Lo na Luta Especial, a próxima edição da Copa Pódio vai coroar ainda o campeão do GP dos médios da terceira temporada do evento. Felipe Preguiça, atual campeão do torneio, defende o título e inicia a caminhada no Grupo Amarelo acompanhado por Gregor Gracie, Patrick Gaudio, Thiago Sá e Erberth Santos. Na outra chave, o Grupo Verde, Luiz Panza, Cláudio Calasans, Diego Moreno, Diego Borges e Jon Satava lutam para destronar Preguiça.

João Miyao e o norte-americano Gianni Grippo se encaram em Desafio Sem Quimono e, assim como Durinho x Lo, sem limite de tempo. No primeiro Brasil x Estados Unidos da noite, Lucas Hulk e Tim Spriggs medem forças no tatame do evento.

Copa Pódio / GP dos Médios

Data: sábado, 22 de novembro de 2014
Local: Ginásio do Botafogo – Rua Venceslau Brás, 72 – Rio de Janeiro
Horário: 18h (horário brasileiro de verão)
Transmissão: copapodio.com, através do sistema pay-per-view

Luta Especial
Leandro Lo x Gilbert Durinho

Desafio Sem Kimono
João Miyao x Gianni Grippo

GP dos Médios
Grupo Amarelo: Felipe Preguiça, Gregor Gracie, Patrick Gaudio, Thiago Sá e Erberth Santos
Grupo Verde: Luiz Panza, Cláudio Calasans, Diego Moreno, Diego Borges e Jon Satava

Desafio Brasil x Estados Unidos
Lucas Hulk x Tim Spriggs

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

[VÍDEO] André Mikito vs Ademir Cardoso pela 3ª edição do Coalizão Fight

OBS: Amanhã ,22 de novembro, colocaremos o vídeo da luta entre Junior Suicida vs Anderson Leão. AGUARDEM!

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta nossa página no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

#HoradaTreta: Nova jornada

O que falar dessa nova jornada em minha vida, eu que sempre fui uma menina desencanada, que sempre deixou as coisas rolarem na minha profissão, mas agora posso dizer que sinto uma talvez uma pequena pressão pode ser dizer, parece que tenho que ter mais responsabilidades, como se a brincadeira agora ficasse séria (risos).

(Foto: Bellator)

(Foto: Bellator)

Estou vivendo uma fase de muitos sentimentos, fui contratada por um dos maiores eventos do mundo perdendo, só para o UFC, tenho uma filha entrando na adolescência e minha mãe esta se tratando de um câncer! Mas calma, esta tudo sobre controle, minha mãe esta ótima, minha filha também e eu pronta para treinar, fazer dieta, focar, cuidar da minha mãe e da minha filha. UFA! Ser contratada pelo Bellator foi algo incrível, passa um filme na sua cabeça e você vê que todo seu trabalho, treinos, lesões, dietas valeram a pena, só que agora teremos que trabalhar em dobro.

Isso querendo ou não te da uma pressão no qual vou ter que me acostumar a viver, mas como sempre digo tenho pessoas maravilhosas ao meu lado me ajudando tenho minha família em especial, minha mãe que com tudo que esta passando me dá o maior exemplo de continuar sorrindo e ajudando quem gostamos, meu professor que passa grande parte do tempo ao meu lado sempre apoiando qualquer decisão, e muitas das vezes sendo um pai. Meus amigos da academia que me ajudam nos treinos, que fazem o principal de tudo, tornar nossa academia no lugar mas agradável do mundo, meu patrocinador Headstone que me dá condição de seguir em frente com tudo isso e me proporcionando o que eu preciso, e meu empresario na qual confio e acredito no seu trabalho sempre conversamos e tomamos decisões juntos.

Com tudo isso me sinto segura para tomar minhas decisões e agora enfrentar talvez esse grande desafio. Quero estar muito bem preparada, estávamos querendo uma estreia em dezembro, mas com todo esse lance da minha mãe optamos por esperar um pouco, como minha mãe esta reagindo muito bem e estou conseguindo voltar a minha rotina provavelmente venha uma estreia em fevereiro, o que posso falar que nervosismo existe, pressão também, mas estou preparada e muito feliz e vou treinar muito. Conto muito com a torcida de todos, e quero que vocês saibam que as vezes estou um pouco triste e desanimada e vejo mensagens de pessoas que me admiram isso me incentiva muito. Faça tudo com amor e você irá realizar todos os seus objetivos! 

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Shooto Bope retorna a Salvador em sua 51°edição com ex-UFC na luta principal

O Shooto Bope chega em sua 51° edição nesta sexta 21/11, o evento que volta a capital baiana após o Shooto Brasil 46 em janeiro que fez bastante sucesso na capital Salvador. O evento também conta com a participação do ex-lutador do UFC, Edilberto “Crocotá” de Oliveira (25-12-2) que enfrenta o invicto Felipe Avelar pela categoria meio médio.

(Poster: Divulgação)

(Poster: Divulgação)

Aos 31 anos após as 2 derrotas no UFC e a demissão em 2007, Crocotá venceu 17 lutas, perdeu 10 e empatou uma. O Lutador da Champion Team vem de vitória por nocaute sobre Daniel Trindade no RDSC-Rei da Selva Combat 3 em junho. Também acumula várias vitórias por finalização via Triângulo de Mão, Guilhotina e Anaconda Choke.

Já o invicto Felipe Avelar com 3 vitórias sendo 2 por decisão e 1 por nocaute técnico, que treina na Cristiano Titi Team busca a 4°vitória seguida nesta sexta contra Crocotá. O evento será realizado no Ginásio Municipal de Lauro de Freitas em Salvador, Bahia, dia 21 de novembro, Os ingressos do Shooto Brasil 51 estão à disponíveis nos shoppings Iguatemi, Salvador.

Arquibancada: R$30
Mesa com Quatro Lugares: R$300

Mesa com Seis Lugares: R$400

Shooto Brasil 51

Data: Sexta-feira, 21 de novembro de 2014
Local: Ginásio Municipal de Esportes Lauro de Freitas – Rua Edvaldo Santos Leites – 42.700 – Lauro de Freitas, Bahia
Horário: 20h (horário brasileiro de verão) / 19h (horário local)
Transmissão: Ao vivo no Combate

Card de lutas
Até 77kg: Edilberto Crocotá x Felipe Avelar
Até 61kg: Jurandir Sardinha x Aliston Cordeiro
Até 57kg: Bruno Menezes x Diego Faísca
Até 66kg: Fillipe Jesus x Wanderson Michel
Até 70kg: Eric Parrudo x Carlos Eduardo “Carlão”
Até 57kg: Eric Panterinha x Cleuber Cabral
Até 70kg: Thiago Siriguela x Alessandro Gomes
Até 61kg: Rafael Sobral x Gerson Bila Boy
Até 61kg: Michel Pânico x Jorge Paulista

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Bruno Fioravanti

UFC Fight Night: Edgar vs Swanson / Poster, card e prévia

Neste sábado o UFC realiza seu último evento nesse mês de novembro, um dos últimos do ano de 2014. Na luta principal da noite, Frankie Edgar, ex-campeão dos leves do UFC e Cub Swanson medem forças em busca de uma nova chance de lutar com José Aldo, já que ambos já foram derrotados pelo brasileiro. Edgar vem de uma avassaladores vitória sobre a lenda BJ Penn, já Cub Swanson vem de uma sequencia incrível de vitórias, e nocautes, seu último triunfo foi sobre Jeremy Stephens. No co-evento principal da noite, o único brasileiro do evento, Edson Barboza entra em ação contra Bobby Grenn. O brasileiro vem de vitórias sobre Evan Dunham e quer acabar com a sina de tantos altos e baixos no UFC. No restante do evento destaque ainda para Joseph Benavidez, Brad Pickett, e o duelo entre pesos pesados que promete entre Jared Rosholt vs Oleksiy Olyinyk.

(Poster UFC)

(Poster UFC)

PRÉVIA 

UFC FIGHT NIGHT: EDGAR VS SWANSON

Data: 22/11/2014 (Sábado)
Cidade: Austin, Texas / Brasil
Local: Frank Erwin Center
Transmissão: Canal Combate

Card principal
Frankie Edgar vs Cub Swanson
Bobby Green vs Edson Barboza
Brad Pickett vs Chico Camus
Jared Rosholt vs Oleksiy Olyinyk 
Joseph Benavidez vs Dustin Ortiz
Matt Wiman vs Isaac Vallie-Flagg 

Card preliminar
Ruslan Magomedov vs Josh Copeland

Luke Barnatt vs Roger Narvaez 

James Vick vs Nick Hein
Yves Edwards vs Akbarh Arreola
Page VanZant vs Kailin Curran
Juan Manuel Puig vs Doo Ho Choi

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Alan Nuguette retorna à academia após grave lesão e já projeta retorno ao cage

No final de setembro, pouco menos de um mês antes de enfrentar Beneil Dariush no UFC 179, no Rio de Janeiro, o peso-leve Alan Nuguette sofreu uma grave lesão na mandíbula, ao receber uma joelhada no rosto durante os treinamentos, e teve de deixar o card. O lutador precisou passar por uma cirurgia para correção da fratura uma semana após o ocorrido e, na última segunda-feira, dia 17 de novembro, retornou à academia para dar início aos trabalhos de recondicionamento físico, com musculação e exercícios aeróbios.

240028_456641_nuguete06__1_

Lutador está invicto na carreira com oito vitórias, sendo duas delas no Ultimate (Foto: Divulgação / UFC)

O manauara, invicto na carreira com oito vitórias, duas delas no Ultimate, fez seu último combate no UFC 169, em fevereiro deste ano, em New Jersey, contra o americano John Makdessi, e venceu por decisão unânime dos juízes laterais. A experiência de lutar nos EUA encantou Nuguette, que já projeta um próximo duelo em solo norte-americano para abril ou maio de 2015, quando estiver totalmente recuperado da lesão. O atleta deve ser liberado para voltar normalmente aos treinos em janeiro.

“Eu tenho muita vontade de voltar a lutar nos Estados Unidos. Eu fiz minha carreira toda aqui no Brasil e, apesar de gostar muito do calor do povo brasileiro, tenho muita vontade de voltar a lutar em um card lá fora. A experiência da minha última luta foi incrível e quero fazer meu nome lá fora para crescer cada vez mais no UFC”, almeja Nuguette.

A lesão que afastou Nuguette do octógono é considerada muito rara, e até o final do ano ele só pode se alimentar com comidas pastosas. Mas o período de recuperação não está sendo só de dificuldade. O lutador foi pai pela primeira vez um pouco antes de se lesionar e tem aproveitado o tempo livre para se dedicar ao filho, o pequeno Alan Patrick, seu homônimo, de apenas dois meses e meio de vida.

“Ele nasceu no meio da confusão de luta, treinos e eu não podia me dedicar 100%. Agora estou sempre com ele, cuidando e babando. Não é uma experiência tão nova assim, já que eu cuidava dos filhos das minhas irmãs, minha família sempre foi humilde e por isso tive que ajudar minha irmã, então já tinha um pouco de noção. Mas quando é o seu, é outra história né? Estou muito feliz e às vezes até dividimos a comida, já que não posso comer nada duro, minha mulher brinca que está com dois bebês em casa (risos)”, diverte-se o lutador.

No dia 6 de dezembro, o UFC realiza sua edição de número 181 e um dos combates principais da noite é a disputa de título dos leves (até 70,3kg), categoria de Nuguette, entre o atual campeão Anthony Pettis e o desafiante Gilbert Melendez. Ambos foram os treinadores da 20ª edição do The Ultimate Fighter nos EUA e o manauara garante sua torcida pelo desafiante, mas não deixa de exaltar o jogo do campeão.

“O Melendez é um cara muito forte e focado, mas o Pettis é imprevisível, lutar com um cara desses é muito difícil, ele foge do convencional e você não sabe o que esperar dele. Então acredito que ele seja mais favorito, e a chance do Gilbert é no chão. Vou torcer para o Melendez, mas acho que o Pettis leva com alguma maluquice daquela que ele tira da cartola, tem tudo para ser um grande combate”, confia.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Nitrix Fight Evolution retorna após risco de falência com quarta edição na cidade de São José-SC

Após correr risco de falência, o Nitrix Fight Evolution retorna com tudo na sua edição número 4, que será realizado na cidade de São José, Santa Catarina nesta sexta 21/11. Na luta principal Fabio Bondesan (2-1) encara Diogo Bebezão (7-8) na categoria dos pesados.

bozta

Bondesan vem de derrota para o campeão peso pesado do Jungle Fight, William Baldutti por nocaute técnico no Jungle Fight 72 em agosto. O atleta da Nova União Joinville Diogo Bebezão, também não vive uma boa fase, aos 25 anos vem de 2 derrotas seguidas, sendo 1 para Gerônimo “Mondragon” Dos Santos por nocaute técnico no Coalizao Fight 3 em setembro e outra por nocaute para Junior Albini no AFC 11.

Fazendo o Co-Main Event pela categoria meio médio, o ex- João Zeferino (15-6) enfrenta o experiente Gilmar Manaus (24-13-1). Ambos são bons finalizadores, Zeferino vem de 2 vitórias após o UFC sendo 1 por finalização e 1 por nocaute. Gilmar venceu 2 das suas últimas 5 lutas que disputou, 1 vitória por nocaute técnico e 1 por finalização.O evento terá início às 19h e será realizado na cidade de São José, Santa Catarina o preço do ingresso será de R$15,00.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

 Escrito por Bruno Fioravanti

Conheça Felipe Boaventura, o “Jon Jones gaúcho”

Felipe Boaventura tem 27 anos e mora na cidade gaúcha, Guaíba, no Rio Grande do Sul, atualmente compete pela equipe Team Nogueira/POA. O gaúcho é chamado de “Jon Jones” por sua semelhança, porte físico e a forma de lutar no cage, bem parecidas com a do campeão do UFC. Felipe tem seu primeiro desafio marcado para fora do Brasil no dia 11 de dezembro pelo evento FFC 12 contra Marco Olano no Peru. Em seu cartel do MMA contabiliza 3 combates onde dois são trinfos, sobre Felipe Brigoni e Jean da Rosa, ambos por TKO, e um revés para Edimar Teixeira no Samurai Combate 5 por decisão dividida.

Felipe vs Jones

Seu adversário, Olano, tem 21 anos, vem de vitória sobre Thiago Arroyo, por nocaute técnico, na edição de número 11 do FFC, realizada em outubro de 2014, no cartel soma cinco triunfos e um revés. Em entrevista ao Nocaute na Rede o atleta nos contou sobre seu objetivo no MMA, influências, inspiração e muito mais, confira: Felipe explicou o principal motivo de ter entrado no mundo das lutas, como e onde tudo começou:

“Tudo começou em 2007 no 3º batalhão de polícia do exército, eu estava ajudando o pelotão de obras a fazer uma sala de instrução de lutas e me convidaram para participar das aulas. Fiz boxe olimpico, com , na época, sargento Wladmir Wollozin. De lá para cá fiz aulas de Muay Thai em um curto tempo com os mestres Camacho e Rafael Sombra. Em 2012 perdi meu pai e minha mãe adquiriu leucemia. Pedi as contas do serviço e passei a acompanhar ela dentro do hospital, passei 6 meses correndo com ela para cima e para baixo.

Então certo dia acordei disposto a fazer algo para desestressar e sair um pouco da rotina hospitalar, aí sai caminhando pela avenida independência. Acabei esbarrando na academia Sports Gym e me inscrevi nas aulas de boxe no dia 15 de Abril de 2013. Dei a sorte de conhecer o mestre Sério Pimentel, depois daquele dia venho adquirindo conhecimento na arte suave e na trocação, tudo por intermédio dele. Faço parte da uma equipe de Muay Thai, que existe na cidade aonde moro, Guaíba, que se chama AGMT (Associação Guaíbense de Muay Thai), fui vice campeão gaúcho de Muay Thai amador por eles.”

Perguntado sobre qual lutador ele se inspira, e qual o melhor lutador na atualidade, Felipe Boaventura responde:

“Por ser um atleta de estatura alta, fico sempre ligado nos atletas do mesmo porte. Gosto muito do Gustafsson, Jon Jones, Anderson Silva, Phil Davis e muitos outros. Mas não existe nada como esses caras pequenos se batendo. Eu gosto de assistir os galos e leves, parece que eles não param nunca (risos), uma verdadeira guerra. Gosto e muito do José Aldo, Renan Barão, Chad Mendes, Urijah Faber, Rousimar Toquinho entre outros. Não tem nenhum atleta que eu me espelho em estilo, sempre pego o melhor de cada e mostro para o meu mestre, ele decide se posso por no meu jogo ou devo esperar aparecer uma melhor oportunidade.”

O responsável pelo seu camp é o mestre Sérgio Pimentel, mas todos atletas da Team Nogueira participam e dão seu parecer de como está indo o andamento do camp, comunicou o atleta. O gaúcho faz sua estreia internacional no dia 11 de dezembro e foi perguntado sobre a sensação deste primeiro combate fora do Brasil.

“Estou ansioso desde já! Quero representar da melhor forma minha equipe, meu país e meu estado. Nunca andei de avião, vai ser minha primeira vez, então .. estou com mais medo do avião do que meu adversário (risos)”, disse Felipe bastante confiante e otimista com a vitória.

Sobre seu futuro e carreira, Felipe Boaventura da show de HUMILDADE.

“Eu tenho o desejo de viver feliz e fazer o que eu gosto, dividir o conhecimento e ajudar as pessoas que eu amo e as que precisam. Não tenho sonho e nem desejo ser milionário ou o melhor atleta do mundo, só em poder ver quem eu gosto de sorrir, para mim já esta de bom tamanho. Mas como todo atleta desejo lutar o UFC e ouvir o Bruce Buffer falar meu nome (risos).”

Por fim o “gaudério” de Guaíba, deixa um recado para a galera que torce e acompanha ele.

Para galera que gosta de mim e do meu trabalho, que para na rua para conversar, crítica e que me segue no facebook, instragram, meu Muito Obrigado. Apoiar os atletas e o esporte (qualquer esporte) é muito importante. Vocês fazem a diferença. Forte abraço e muita luz para todos.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Renan Assunção

Brasileiros levam a melhor sobre paraguaios no Explosion MMA Fighters

Quem esteve no ginásio do Circulo Militar no ultimo sábado dia 15, em Curitiba; assistiu a um verdadeiro show dos Brasileiros nos combates contra os Paraguaios. Esta foi à primeira edição do Explosion MMA Fighters no nosso país e ela acabou assim: 09 vitórias brasileiras e uma única para os paraguaios.

(Foto: Marcio Valle)

(Foto: Marcio Valle)

Na luta principal do evento protagonizada por Marcão “Bad Face” da CM System contra Alex Marmaduque da Gentiline Fighters, combate que valia o cinturão da categoria até 77kg, quem levou a melhor foi “Bad Face” que com um Katagatame finalizou Alex no segundo round. Serginho de Fatima da Chute Boxe enfrentou Edson “Chokito” da Orions. No começo teve dificuldades e quase foi finalizado, mas virou o jogo e acabou o combate com nocaute.

Rafael “Sadam” da Thainaja enfrentou Diego Vargas da CM System, e com um nocaute que foi considerado destaque da noite saiu vitorioso. Mas não foi tão fácil! Sadam quase foi finalizado por Vargas diversas vezes, e só conseguiu a vitória no terceiro round após uma sequencia de socos encaixados. No combate de peso contra EdCarlos “Monstro” da Chute Boxe contra Alex Sagat da Hard Team, o conceituado atleta do estado levou a melhor e finalizou a luta com um arm-lock.

Destaque dos confrontos de Muay Thai para Guilherme Antunes “Jab” da academia Killer Bees. Guilherme é o atual campeão brasileiro de Muay Thai e com honra e mérito ao seu titulo nocauteou o estreante Hugo Marques do Grupo Nocaute no segundo round. Os destaques paraguaios do evento foram Roque Acosta da Roque Boxe Team/PAR que empatou com Ewerton “Seu Boneco” da Chute Boxe, após três rounds disputados e Pedro Colman da RAM que levou a nocaute Wisley Torto da The Rock.

Clique aqui para conferir as fotos do evento!

Confira abaixo todos os resultados:

Card principal
77 Kg: Marcão “Bad Face” finalizou Alex Marmaduque no segundo round.
77 Kg: Serginho de Fátima nocauteou Edson “Chokito” no segundo round.
70 Kg: Rafael “Sadam” Bueno nocauteou Diego Vargas no segundo round.
66 Kg: Pedro Colman nocauteou Wisley Torto no primeiro round.
121 Kg: Edcarlos Monstro finalizou Alex Sagat no primeiro round.
70 Kg: Gustavo Wurlitzer finalizou Marcelo Romero no primeiro round.
70 Kg: Juliano “Kuririn” finalizou Jose Armoa Pit Bul no primeiro round.
66 Kg: Ewerton “Seu Boneco” e Roque Acosta empataram após três rounds.

Card preliminar:
70 Kg: Rafael Baraka nocauteou Davi Colman no primeiro round.
57 Kg: Mariana Moraes finalizou Stephanie Bragaryack no segundo round.
57 Kg: Laerte de Paula levou por nocaute técnico sobre Rodrigo Mojo no segundo round.
70 Kg: Jonathan Tom nocauteou Celso Ferreira no primeiro round.
77 Kg: Marcos “Pirata” nocauteou Davi Ryuken no primeiro round.
77 Kg: Bruno Granada levou por nocaute técnico sobre Jorge de La Terra no segundo round.
70 Kg: Mario Careti finalizou Ricardo Alves no primeiro round.
Muay Thai 84 Kg: Fernando Almeida nocauteou Carlos Galeano no primeiro round.
63 Kg: Guilherme Jab nocauteou Hugo Marques no segundo round.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH

Escrito por Janaina Felipe

AFC chegará ao estado do Rio de Janeiro em 2015

A organização do evento já tem confirmado algumas cidades que receberão o evento e será anunciado nos próximos dias. Com a chegada do AFC ao Rio de Janeiro, a organização também abre espaço para atletas cariocas lutarem no evento. Para fazer parte do AFC MMA basta acessar o portal www.afcmma.com.br e cadastrar-se como atleta profissional. O atleta terá seu perfil analisado e caso necessário a organização entrará em contato.

Rio de Janeiro

(Foto: Divulgação / AFC)

“É com imensa alegria que chegamos ao Rio. Sempre ouvimos histórias sobre os eventos cariocas onde afirmam que sempre tem casa cheia. O público também é contagiante. Logo no AFC #01 tivemos um atleta do Rio (Daniel Fumaça – Três Rios-RJ)”, lembrou Andrews Henrique, presidente do AFC MMA.

Nos próximos dias será divulgado as cidades do Rio de Janeiro que receberão o AFC em 2015. Ao menos duas cidades já estão confirmadas, segundo o presidente da organização, mas os fãs de mma deverão aguardar os próximos dias para conhecer as cidades escolhidas.

O AFC também divulgou que não terá mais edições em 2014. A próxima edição, AFC #03, será somente em 2015. Várias cidades querem sediar uma edição do AFC e a organização trabalha para fechar o calendário ainda neste ano e divulgá-lo na festa da Premiação dos Melhores do Ano do AFC em dezembro.

Siga o Grupo MundoMMA no Facebook: http://on.fb.me/143Aqek

Curta Nocaute na Rede no Facebook: http://on.fb.me/18HEkvH